Portal do Governo Brasileiro
Data: 02/04/2019 10:29

O curso de Engenharia Ambiental da UFC em Crateús teve seu Projeto Político Pedagógico aprovado e autorizado em 31 de julho de 2009, pela Resolução Nº 24/CONSUNI/2009, e em 22 de Julho de 2014 sua criação foi aprovada (RESOLUÇÃO No 14/CONSUNI/2014). Posteriormente, em 2016, houve uma alteração do projeto pedagógico do curso, alterando-se a modalidade de oferta de disciplinas do 1º ano, de anual para semestral. Em busca de melhorias e adequações às últimas tendências da área tanto no âmbito brasileiro quanto mundial, o curso, em 2017, promove uma grande reformulação do projeto pedagógico do curso incluindo disciplinas da área sanitarista e apontando para uma futura mudança no nome do curso para Engenharia Ambiental e Sanitária.

A UFC, enquanto instituição pública, tem o dever de gerar ações que eliminem ou mitiguem os impactos ambientais. Nesta perspectiva, o curso de Engenharia Ambiental do campus Crateús desempenha atividades de ensino, pesquisa e extensão sempre no anseio de uma sociedade mais sustentável.

Deve-se destacar que ao se instalar nos Sertões de Crateús, a Universidade Federal do Ceará, possui um papel de suma importância no desenvolvimento sustentável da região, favorecendo o seu crescimento econômico, elevando o seu capital humano e social e, em especial o Curso de Engenharia Ambiental, a governança e o uso sustentável do seu capital natural.